Diferente de como os antipatizantes do deputado federal Jair Bolsonaro pregavam, deixando claro que ele não teria competência para apresentar um plano capaz de convencer alguém, a proposta inicial do candidato se se constitui uma bula do remédio que ele quer ministrar para o país, e que tem como principal objetivo curar a mal da insegurança e proteger o patrimônio humano, antes de qualquer outra ação.

 

 

COMPARTILHAR