Publicado em: 19/10/2012

Apreensão de drogas no Ceará e em Sobral

Nossa cidade não está nas primeiras colocações do ranking entre as demais do interior do Estado, mas o trabalho de combate ao tráfico continua

Alltemy Moura
jornal@sobralnews.com.br

Os números indicam que o tráfico de drogas no Estado cresceu, mas as ações de combate ao crime também – Foto: Divulgação

A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) mantém seu banco de dados atualizado diariamente sobre as diversas ocorrências policiais por todo o Ceará, também através do Centro Integrado de Operações de Segurança (CIOPS). Com relação a apreensão de drogas, de acordo com os dados da SSPDS, a quantidade de maconha apreendida aumentou 922% em 2011, somente ano passado, foram tirados do comércio ilegal de drogas mais de 3.042 quilos da droga em todo o Estado, contra apenas 297 quilos recolhidos em 2010.

Outras estatísticas que preocupam as autoridades responsáveis pela segurança dizem respeito às apreensões de crack e cocaína. De 2010 para 2011 houve aumento de 56,25% no recolhimento de crack, enquanto, as apreensões de cocaína tiveram aumento de 255%, na comparação entre os dois anos. Os dados deste ano ainda estão em processo de atualização, mas já despertam maior atenção daqueles que têm a missão de zelar pela

Segurança Pública.

No último mês de setembro, segundo os dados da SSPDS, o Município de Sobral não aparece entre os primeiros no ranking cearense de apreensão de drogas. Com relação ao recolhimento de maconha nas cidades do interior, ocupam as primeiras posições: Juazeiro do Norte, com 2 kg, Acaraú, com 0,9 kg, Aracati, com 0,7 kg, Pacatuba, com 0,5 kg e Maracanaú, com 0,45 kg. Em Sobral foram apreendidas 281,60 gramas de maconha.

As maiores incidências de apreensão de crack pelos municípios do interior do Ceará foram registradas em: Pedra Branca, com 0,9 kg, Caucaia, com 0,23 kg, Morrinhos, com 0,2 kg, Maranguape, com 0,12 kg e Maracanaú, com 0,12 kg. No mês de setembro, em Sobral, foram recolhidas 112,30 gramas de crack.

Sobre as apreensões de cocaína, em todo o Estado, lideram as estatísticas os seguintes municípios: Jaguaribe, com 4 kg, Juazeiro do Norte, com 0,6 kg, Tauá, com 0,4 kg, Crato, com 0,3 kg e Itaitinga, com 0,06 kg. Em Sobral, aconteceu a apreensão de 42,50 gramas de cocaína durante o mês de setembro de 2012.

O comando do 3º Batalhão da Polícia Militar (BPM) informou que as medidas de combate ao tráfico de drogas na cidade sobralense são tomadas a partir de denúncias e ocorrências policiais. Com isso, é feito um mapeamento para identificar os locais onde ocorrem mais registros de pontos de tráfico e de traficantes. Um dos setores responsáveis por esse levantamento é o Serviço de Inteligência da PM, que confere a veracidade das denúncias.
De posse das informações, o Comandante do 3º BPM, Coronel Gilvandro Oliveira, envia relatório ao Ministério Público, que permite as ações militares através de mandados de busca e apreensão. Nesse trabalho conjunto, informa o Coronel Gilvandro, “são realizadas várias prisões de pessoas que fazem o comércio ilegal de entorpecentes, através da intensificação de ações de combate ao tráfico”.

O Ronda do Quarteirão também fortalece as medidas combativas aos traficantes que atuam nos bairros da cidade. O Tenente Alexandre Torres, Comandante do Ronda em Sobral, esclarece que é feita uma identificação das áreas com maior incidência de ocorrências, e, nesses locais, são intensificadas as ações militares com abordagens a pessoas e veículos suspeitos. “Nós trabalhamos em parceria com o 3º BPM, Polícia Civil, Força Tática de Apoio (FTA) e o Policiamento Ostensivo Geral (POG) para combater o tráfico de drogas em todos os bairros de Sobral, principalmente, nos pontos mais críticos”, esclarece o Tenente.

De acordo com informações do Comandante do Ronda do Quarteirão, as ações policiais foram mais intensificadas nos bairros Padre Palhano, Dom José, Sumaré, Alto Novo e Santa Casa, apontados no mapeamento do Programa de Segurança como os bairros com mais registros de tráfico de drogas. Para obter mais sucesso nas ações de combate ao comércio ilegal de entorpecentes, o Tenente Alexandre Torres ressalta: “A parceria da população é fundamental, com denúncias anônimas que nos indiquem os locais onde devemos atuar. Essa troca de informações é fundamental”.

Última apreensão em Sobral

Através de denúncias anônimas policiais do 3º Batalhão da Polícia Militar (BPM) desarticularam um ponto de venda de drogas na Rua Paulo Alcântara, no Bairro Padre Palhano, na última segunda-feira, 15 de outubro. No local foi preso o traficante Wesley Gomes Vasconcelos, vulgo “Federal”, 19. Com ele foi encontrada uma grande quantidade de maconha prensada e várias “trouxinhas” de cocaína, prontas para a comercialização. Toda a droga apreendida e o traficante foram levados para a Delegacia Regional da Polícia Civil de Sobral.